quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Inep publica nova edição da Série documental Textos para Discussão

 A edição 44 da Série Textos para Discussão já está disponível no portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Com o tema “Interpretação e comparabilidade do desempenho médio do Brasil no PISA – 2000 a 2015”, a publicação traz como destaque dois temas metodológicos de grande importância para o Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa): a interpretação e a comparabilidade do desempenho médio dos países e das economias participantes dessa avaliação em larga escala.

A interpretação pedagógica apresentada no artigo publicado parte de uma sugestão da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Por meio dessa interpretação é possível, em faixas de níveis de proficiência, analisar o desempenho médio dos estudantes brasileiros mediante desagregações por ano escolar, sexo, unidades federativas, tipo de escola (pública ou particular) e por dependência administrativa (particular, federal, estadual ou municipal). A publicação traz ainda uma alternativa à Estratégia 7.11 do Plano Nacional de Educação (PNE), que tem como proposta “estabelecer e implantar, mediante pactuação interfederativa, diretrizes pedagógicas para a educação básica e a base nacional comum dos currículos, com direitos e objetivos de aprendizagem e desenvolvimento dos (as) alunos (as) para cada ano do ensino fundamental e médio, respeitada a diversidade regional, estadual e local”.

Textos para Discussão - Publicada desde 1997, a série documental traz em suas publicações vários pontos de vista com o objetivo de contribuir para a reflexão sobre temas diversificados do cenário educacional brasileiro. A proposta é que os textos divulgados possibilitem a discussão e o debate de inovações no campo da política educacional. As publicações acontecem de forma aleatória, a partir de propostas de textos para discussão, enviadas por pesquisadores à Diretoria de Estudos Educacionais (Dired), do Inep.

Clique aqui para acessar

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Inep divulga resultados do Encceja 2018 referentes ao Ensino Fundamental

Os participantes do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2018 que buscam a certificação do Ensino Fundamental já podem acessar os resultados individuais na Página do Participante. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou as notas nesta terça-feira, 11 de dezembro. Para acessar, basta informar CPF e a senha cadastrada no ato da inscrição.

O Encceja Nacional Regular teve 1.695.607 inscritos e foi aplicado no dia 5 de agosto. Dos 137.650 inscritos que fizerem as provas do Ensino Fundamental, 30,47% obtiveram a certificação completa nas quatro áreas de conhecimento. O participante que obteve a nota mínima exigida em todas as quatro áreas de conhecimento e na redação deve se dirigir às Secretarias Estaduais de Educação ou aos Institutos Federais de Educação Ciência e Tecnologia, que escolheram durante a inscrição, para solicitar a certificação.

Aqueles que obtiveram a nota mínima apenas em algumas áreas de conhecimento também devem procurar as secretarias para solicitar a declaração parcial de proficiência. Com essa declaração, eles ficam liberados de fazer as provas da mesma área de conhecimento em futuras edições do Encceja. Outra opção é para os participantes que haviam obtido a declaração parcial em edições anteriores do Encceja e, em 2018, conseguiram completar as quatro áreas: neste caso, agora já é possível solicitar a certificação completa.

Encceja – Criado em 2002 para aferir competências, habilidades e saberes de jovens e adultos que não concluíram o Ensino Fundamental ou o Ensino Médio na idade adequada, o exame voltou a certificar o Ensino Médio em 2017. O Encceja é aplicado pelo Inep, mas a emissão dos documentos certificadores (certificado e declaração de proficiência) é responsabilidade das Secretarias Estaduais de Educação e Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, que firmaram Termo de Adesão ao Encceja.
 
FONTE: INEP

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

MINAS GERAIS - Secretaria de Educação divulga resultado final do processo de certificação ocupacional de diretor de escola estadual

Foram certificados um total de 4.425 servidores


A Secretaria de Estado de Educação (SEE) publicou, nesta sexta-feira (7/12), no Diário Oficial Minas Gerais, a lista com os nomes de 4.425 servidores certificados no Processo de Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual. A certificação tem validade de quatro anos, a contar dessa publicação.

Foram inscritos no processo, 26.107 candidatos, dos quais 18.665 estiveram efetivamente presentes no dia da prova, aplicada em 25/11/18, em todos os 45 municípios sede de Superintendências Regionais de Ensino de Minas Gerais. Dentre os inscritos, 22.897 são Professores de Educação Básica (PEB) e 3.210 são Especialistas em Educação Básica (EEB).

O resultado final do processo é de 4.425 servidores certificados. De acordo com o Edital SEE nº 2/2018, a Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual é concedida aos participantes que cumprissem cumulativamente todas as exigências do edital e que obtivessem pontuação igual ou superior a 60% na prova objetiva.

A Certificação é pré-requisito para o processo de escolha de diretor, que se dará por meio de consulta à comunidade escolar, conforme critérios definidos em Resolução específica. O processo não constitui concurso público para investidura em cargo ou função pública, assim como não assegura ao candidato direito à ocupação ou nomeação, limitando-se a credenciar, junto à SEE, profissionais certificados e formar banco de potenciais candidatos ao cargo de Diretor de Escola Estadual.

A listagem dos candidatos certificados pode ser consultada no Diário Oficial Minas Gerais e todas as informações sobre o processo estão disponibilizadas no endereço eletrônico www.institutoavaliar.org.br/certificacao2018.
 
fonte: Secretaria da Educação de Minas Gerais

MINAS GERAIS Certificação Ocupacional de Diretor de Escola 2018 - Resultado

Resultado do Processo de Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual 2018 da Secretaria da Educação de Minas Gerais

CONFIRA


A Certificação Ocupacional de Diretor de Escola Estadual é concedida aos participantes do processo que cumprirem cumulativamente todas as exigências do Edital e que obtiverem pontuação igual ou superior a 60% (sessenta) por cento na prova objetiva.

fonte: INSTITUTO AVALIAR

SÃO PAULO - Processo de Promoção 2018 do QAE - Convocação para a Prova

Acesse a ÁREA DO CANDIDATO na página da FUNDAÇÃO VUNESP - PROMOÇÃO DO QAE (QUADRO DE APOIO ESCOLAR)
COORDENADORIA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS
PROCESSO DE PROMOÇÃO
EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA
 
O Coordenador da Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos, nos termos da Lei Complementar 1.144/2011, regulamentada pelo Decreto 58.648/2012,

CONVOCA E INSTRUI

os integrantes do Quadro de Apoio Escolar inscritos no Processo de Promoção 2018, para a realização da prova.

I - A PROVA

1. A Prova do Processo de Promoção, de caráter eliminatório, será composta por 40 (quarenta) questões de múltipla escolha com 5 (cinco) alternativas de resposta, sendo apenas uma considerada correta, e versará sobre a aquisição de competências adicionais às exigências para ingresso no cargo de que é titular ou função-atividade de que ocupante sendo o conteúdo baseado na Portaria CGRH-3, de 08-11-2013 publicada em 13-11-2013 com dispositivos alterados na Portaria da Coordenadora, 4 de 2-12-2013 publicada em 03-12-2013.

2. A Prova será avaliada na escala de 0 (zero) a 100 (cem) pontos.

3. A nota da prova será obtida pela seguinte fórmula

NP = (Na x 100) ÷ 40
Sendo:
NP = Nota da Prova
Na = Número de acertos do servidor
 
4. Será considerado aprovado o servidor que obtiver no mínimo nota 50 (cinquenta).

II - DATA E HORÁRIO DA APLICAÇÃO DA PROVA

1. A prova será realizada nos municípios-sede das 91 (noventa e uma) Diretorias de Ensino da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, conforme segue:

Dia 15/12/2018 (sábado)
 
Horário de apresentação: 12 horas
Fechamento dos Portões: 13 horas
Tempo de permanência mínima na sala: 2 horas
Duração das provas: 4 horas 

III - LOCAIS DE PROVAS

1. A confirmação da data, turma e as informações sobre horários e locais de Provas serão divulgadas no site da Fundação VUNESP: www.vunesp.com.br, na Área do Candidato, onde deverá cadastrar senha pessoal, sendo de inteira responsabilidade do candidato seu acompanhamento, não podendo ser alegada qualquer espécie de desconhecimento.

1.1. Nos 5 (cinco) dias que antecederem a data prevista para as provas, o candidato poderá consultar:

a) o endereço eletrônico da VUNESP;
b) Disque VUNESP, em dias úteis de segunda-feira a sábado, das 8 às 20 horas.

1.2. Ao candidato só será permitida a realização da prova no respectivo local, data e horário constante na consulta disponível no site www.vunesp.com.br da Fundação VUNESP.

2. Eventualmente se, por qualquer motivo, o nome do candidato não constar da pesquisa efetuada, conforme disciplinado no item 1.2, esse deverá entrar em contato com a Fundação VUNESP, por meio do Disque VUNESP: fone (11) 3874-6300 - dias úteis - das 8 às 20 horas para verificar o ocorrido ou dirigir-se à Diretoria de Ensino de sua inscrição, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.
...

SÃO PAULO CGRH Comunicado Processo de Promoção 2016 do QM - Convocação para a Prova

Acesse a ÁREA DO CANDIDATO na página da FUNDAÇÃO VUNESP - PROMOÇÃO DO QM (QUADRO DE MAGISTÉRIO)

COORDENADORIA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS
PROCESSO DE PROMOÇÃO
EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA

O Coordenador da Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos, da Secretaria de Estado da Educação, nos termos da Lei Complementar 1.097/2009, alterada pela Lei Complementar 1.143/2011, regulamentada pelo Decreto 55.217/2009, alterado pelo Decreto 60.650/2014,

CONVOCA E INSTRUI
 
os integrantes do Quadro do Magistério inscritos no Processo de Promoção 2016, para a realização da prova.

I  - A PROVA

1. A Prova do Processo de Promoção, de caráter eliminatório, será composta por 40 (quarenta) questões de múltipla escolha com 5 (cinco) alternativas de resposta, sendo apenas uma considerada correta, versando sobre o perfil dos servidores do Quadro do Magistério e a Bibliografia de Referência.

3. A Prova será avaliada na escala de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

4. A nota da prova será obtida pela seguinte fórmula

NP = (Na x 10) ÷ 40
 
Sendo:
NP = Nota da Prova
Na = Número de acertos do servidor
 
5. Será considerado aprovado o servidor que obtiver, no mínimo, nota igual ou superior a:

a) 6 (seis) pontos, para a promoção da Faixa 1 para a Faixa 2;
 
b) 7 (sete) pontos, para a promoção da Faixa 2 para a Faixa 3;

c) 7 (sete) pontos, para a promoção da Faixa 3 para a Faixa 4;
 
d) 8 (oito) pontos, para a promoção da Faixa 4 para a Faixa 5.

II - DATA E HORÁRIO DA APLICAÇÃO DA PROVA

1. A prova será realizada nos municípios-sede das 91 (noventa e uma) Diretorias de Ensino da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, conforme segue:

Dia 15/12/2018 (sábado)

a) 15-12-2018 – Período da Tarde: Suporte Pedagógico e Professor Educação Básica II – Educação Especial (Deficiência Auditiva, Deficiência Física, Deficiência Intelectual e Deficiência Visual).

Horário de apresentação: 12h00 – Horário de Brasília
Fechamento dos Portões: 13h00 – Horário de Brasília
Tempo de permanência mínima na sala: 2 horas
Duração das provas: 4 horas 

b) 16-12-2018 – Período da Manhã: PEB I

Horário de apresentação: 07h00 – Horário de Brasília
Fechamento dos Portões: 08h00 – Horário de Brasília
Tempo de permanência mínima na sala: 2 horas
Duração das provas: 4 horas

c) 16-12-2018 – Período da Tarde: PEB II

Horário de apresentação: 12h00 – Horário de Brasília
Fechamento dos Portões: 13h00 – Horário de Brasília
Tempo de permanência mínima na sala: 2 horas
Duração das provas: 4 horas 

III - LOCAIS DE PROVAS

1. A confirmação da data, turma e as informações sobre horários e locais de Provas serão divulgadas no site da Fundação VUNESP: www.vunesp.com.br, na Área do Candidato, onde deverá cadastrar senha pessoal, sendo de inteira responsabilidade do candidato seu acompanhamento, não podendo ser alegada qualquer espécie de desconhecimento.

1.1. Nos 5 (cinco) dias que antecederem a data prevista para as provas, o candidato poderá consultar:

a) o endereço eletrônico da VUNESP;
b) Disque VUNESP, em dias úteis de segunda-feira a sábado, das 8 às 20 horas.

1.2. Ao candidato só será permitida a realização da prova no respectivo local, data e horário constante na consulta disponível no site www.vunesp.com.br da Fundação VUNESP.

2. Eventualmente se, por qualquer motivo, o nome do candidato não constar da pesquisa efetuada, conforme disciplinado no item 1.2, e sse deverá entrar em contato com a Fundação VUNESP, por meio do Disque VUNESP: fone (11) 3874-6300  - dias úteis - das 8 às 20 horas para verificar o ocorrido ou dirigir-se à Diretoria de Ensino de sua inscrição, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.

...

fonte: FUNDAÇÃO VUNESP

quinta-feira, 6 de dezembro de 2018

SP Rede do Saber "Formação Arte BR - Instituto Arte na Escola"

Educação artística  
Aprenda como fazer a leitura de uma imagem e novas práticas para trabalhar Artes em sala de aula, em formação transmitida ao vivo!


Título da Transmissão: Formação Arte BR – Instituto Arte na Escola
Data: 06/12/2018
Horário: das 8h às 12h


Gisa Picosque é arte-educadora e realizará formação aos profissionais da Rede, com base na Pasta Arte BR, primeiro material educacional disponível no Brasil, que traz importantes obras do século 20, pertencentes a acervos de museus de várias regiões brasileiras.

O projeto foi desenvolvido pelo Instituto Arte na Escola, com a proposta de mostrar caminhos para que os professores se apropriem dos universos da arte, por meio da leitura de imagem. E também, por meio do conhecimento e compreensão da produção da arte brasileira moderna e contemporânea, possam propor conteúdos a serem trabalhados em sala de aula, bem como a realização de mediação de visitas a espaços culturais.

Os interessados poderão participar da formação, que será transmitida ao vivo pela Rede do Saber/EFAP.